Psicologia Positiva: o que é?

Entenda o que é e como funciona a Psicologia Positiva e quais são os benefícios da prática de saúde em nosso cotidiano. Clique aqui e confira!

De modo geral, a Psicologia é focada no tratamento de doenças mentais. Quando comentando que queremos ir ao psicólogo, automaticamente as pessoas ao seu redor perguntam o que você tem ou está sentindo.

Em contrapartida, temos a Psicologia Positiva. Você já consegue imaginar do que ela se trata? Descubra com a gente, do Psicólogos Viana do Castelo!

psicologia positiva

Entendendo sobre o que é Psicologia Positiva

A Psicologia Positiva está relacionada à felicidade. Isto é, examina as pessoas que não sentem nenhum tipo de disfunção, mas que desejam se tornar mais felizes e satisfeitas com a vida.

Esse campo da psicologia aborda positivamente o estudo dos pensamentos, sentimentos e comportamento dos seres humanos. Foca-se nos pontos mais fortes com intuito de construir coisas boas na vida do indivíduo e não apenas consertar aquilo que está abalado.

É ela que faz a vida valer a pena, tornando a vida das pessoas “normais” mais feliz. Embora seu principal foco seja esse, não se implica que o restante trabalhado na Psicologia deva ser ignorado, mas sim complementar o que essa ciência já aborda.

Entenda o porquê de a Psicologia ser considerada uma ciência

Define-se ciência como um conhecimento mais profundo e atento sobre determinado assunto, o qual é adquirido através da observação, identificação, pesquisa e explicação. Resumindo: é necessário ter a verificação de diferentes teorias conforme as evidências encontradas. A Psicologia – incluindo a Positiva – é fundamentada em métodos científicos, baseando-se em fatos, análises e experimentações.

No final do século 20, a Psicologia foi proposta como ciência por Wilhelm Wundt e William James, embora outros autores já houvessem insinuado essa ideia em suas obras. Entretanto, Wundt e James foram aqueles que criaram o projeto da psicologia científica em um modo sistemáticos, dando origem à Psicologia moderna.

Dessa forma, não podemos nos referir a Psicologia Positiva como uma autoajuda, por exemplo. Ela é um campo da ciência, e não uma versão mais recente sobre o pensamento positivo.

Principais focos da Psicologia Positiva

Como já vimos, a Psicologia Positiva procura se concentrar nos eventos mais positivos da vida, incluindo as experiências – como a felicidade, a alegria e o amor –, traços – de gratidão e de compaixão – e instituições positivas, onde aplicam-se ótimos princípios dentro das organizações.

Os principais tópicos estudados para conseguir ajudar outras pessoas a prosperarem e viverem felizes são: força de caráter, satisfação, bem-estar, otimismo, gratidão, compaixão (consigo e com os outros), autoconfiança e esperança.

Psicologia Positiva: o fundador do ramo de estudo

O pesquisador Martin Seligman foi o grande precursor da Psicologia Positiva. Entre as décadas de 60 e 70, Seligman começou a lançar algumas bases teóricas sobre a psicologia do desamparo aprendido. Ela explica que tanto os seres humanos quanto os animais podem aprender a sentir que eles têm controle sobre tudo o que acontece na vida deles ou a ficar desamparados.

O pesquisador ainda relacionou a depressão com o sentimento de desamparo, o que resultou no fornecimento de diferentes inspirações e ideias para os tratamentos antidepressivos, incluindo a prevenção dessa patologia.

Mas a sua busca pelo conhecimento não parou por aí! Seligman descobriu outras características e perspectivas que poderiam ser relacionadas à sua teoria. Assim, surgiu a Psicologia Positiva. O pesquisador não estava satisfeito com o foco principal da Psicologia ser dor e sofrimento – incluindo doenças mentais e traumas.

Em 1998, ele propôs uma nova área para a Psicologia, onde o foco principal seria na vitalidade. Em 2000, o artigo mais fundamental sobre a Psicologia Positiva foi publicado. Desde então, outros pesquisadores ao redor do mundo começaram a estudar sobre os principais fenômenos positivos da vida.

Conheça os elementos de uma vida feliz

Seligman desenvolveu a teoria do bem-estar, conhecida como PERMA. Ela compreende 5 elementos essenciais de uma vida feliz.

psicologia positiva perma

Entenda o que significam:

  • Emoções positivas (Positive emotions)
  • Engajamento (Engagement)
  • Relacionamentos (Reletionships)
  • Significado (Meaning)
  • Realizações (Accomplishments)

Cada um contribui para o bem-estar, influenciando uma busca por si mesmo - e são medidos de forma independente.

Recent posts

Menu

Pages